Página inicial  Instalação |  Manutenção |  Aquários |  Galeria de peixes |  Alimentação Doenças | plantas ||produtos|  guest_book  Cont@ctos

 

Ciclídeos americanos:

 

Escalar ( Pterophyllum scalare )

Comprimento máximo    PH   GH           Temperatura
             15 cm   7.0   8                26º C

É um dos peixes mais conhecidos de todos, quase todo o aquarista possui pelo menos um no seu aquário. Ao longo de muitas décadas foram se desenvolvido várias variedades de padrões. Facilmente são reconhecidos pelas  suas barbatanas dorsal e anal bastante altas. Apesar de ser peixes pacíficos não é recomendado junta los com peixes mais pequenos ( neons ). Alimentam se de flocos, alimentos liofilizados e congelados. É um peixe que se reproduz quando atinge 12 meses de idade. Devem ser colocados vários bandeiras (machos e fêmeas) num aquário e esperar. Separe aquele que vai se reproduzir e coloque-o em um aquário próprio para reprodução (geralmente de 60x40x40), que não deve ter cascalho ou qualquer outro substrato.


Peixe-disco ( Symphysodon aequifasciata )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
             18 cm   6.5   2                28º C

O peixe-disco é um dos mais belos peixes da família Cichlidae, com um corpo quase circular e muito comprimido, marcado com faixas irregulares vermelhas longitudinais, estas e as barras verticais que se cruzam auxiliam-no a camuflar-se entre a vegetação aquática densa. É um peixe muito sensível e só é recomendado a aquáriofilos experientes, mas se seguir mos algumas normas, é um peixe óptimo de manter. O peixe-disco gosta de águas calmas e pouco profundas, a água tem obrigatóriamente de ser ácida ( PH nunca acima dos 6.5 ). Sendo um peixe também sensível á amónia e aos nitritos deve se fazer mudanças parciais de água  frequentemente. Devem ser mantidos em grupos ( mínimo 2 ). Devem ser alimentados com comida própria para Discos á venda no mercado como flocos, granulados, congelados, patês, etc. Se seguirmos estas regras o seu disco vai se sentir bem. Quanto á sua reprodução após cortejada pelo macho a fêmea põe  os ovos em fundos de gravilha e conduz depois os recém-nascidos para zonas de vegetação submersa. Cerca de três dias depois do nascimento, os jovens dirigem se a um dos progenitores, fixam se na superfície do seu corpo e, durante cinco semanas ou mais, alimentam se deste modo da secreção de muco exsutado pela pele do adulto. Concluindo o Peixe-disco é um peixe magnífico, um dos mais bonitos peixes de aquários, muito pacífico e deve ser mantido com peixes calmos (ex: neons )


Acará Festivo ( Mesonauta festivum )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
             14 cm    6.8   10                25º C

É um peixe muito bonito e atraente, mas não deve ser mantido com espécies mais pequenas ( neons, espadas ), pois eles tem tendência a persegui los. São dóceis e muito brincalhões e além disso, não necessitam de cuidados extras. A sua beleza só é totalmente visível, quando atingem a idade adulta, Alimentam se de tudo um pouco, flocos, alimentos secos etc.


Ramirezi ( Microgeophagus ramirezi )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
              6 cm    6.8   7                27º C

É uma espécie bastante sensível no que diz respeito á água, isto também deve se ao facto de terem sido importados na Alemanha e terem sofrido uma excessiva dose de cruzamentos consanguíneos, com o objéctivo de criar espécies mais coloridas. São peixes tranquilos, e não devem ser colocados com peixes agressivos e muito grandes, pois podem ficar stressados. Além de serem sensíveis á água, também na alimentação deve se ter algum cuidado, pois não são fáceis de alimentar. Devem dar ração seca, artémias vivas, alimentos congelados e liofilizados. Os machos são mais coloridos do que as fêmeas e a sua reprodução não é difícil em aquários.


Óscar (Apaiari) ( Astronotus Ocellatus )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
              35 cm    7.2   10                26º C

O Óscar não é um peixe indicado para aquário mistos, pois é territorial, e ás vezes agressivo e acima de tudo carnívoro, além de decorar o aquário ao seu gosto, pois gosta sempre de mudar o cascalho, as plantas etc. Apesar de tudo é um peixe muito dócil e simpático. Têm uma grande personalidade e são muito resistentes e inteligentes estando sempre atentos a tudo o que acontece fora do aquário, o que talvez explique o seu apego aos aquaristas. O Óscar é um peixe que nada por todo o aquário, e as suas cores podem variar dependendo das condições ambientais do aquário. Têm a tendência a saltar muito por isso deve se manter sempre o aquário tapado. O Óscar é um peixe carnívoro, que gosta muito de insectos, peixes vivos, larvas de mosquito, coração de boi e de galinha etc .É necessário, no entanto, mudanças de água de 20% ou 30% por mês ou duas vezes por mês, pois são peixes " comedores sujões " deitando muitas vezes a comida para fora da boca, e portanto deve se ter cuidado a dar comida que solte muitos pedaços. A reprodução desta espécie ocorre 3 a 4 vezes por ano. É necessário que se tenha um grupo ( 6 a 8 ), e pequenos e jovens óscares num aquário grande, com mais de 300 litros. quando se nota que 1 casal se juntou, deve se retirar imediatamente os restantes óscares. O casal escolhe então o local da desova ( introduza no aquário rochas de ardósia ). As fêmeas soltam cerca de 200 e 2000 ovos que em seguida são  fecundados pelo esperma do macho. O casal ficará de guarda, e os filhotes nascerão após 4 ou 5 dias, e serão protegidos pelos pais entre 30 a 60 dias. Os filhotes nascerão com o saco vitelino ( rico em nutrientes ) , que lhes alimentarão por 3 dias, após isso comece alimenta-los, com comida própria para eles ( informe-se numa loja da especialidade ).


Ciclídeo Jaguar ( Nandopsis managuensis ) Foto: www.akwafoto.pl

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
              35 cm    7.0   10                25º C

Trata se de um ciclídeo extremamente agressivo e territorial, qualquer espécie que caiba na boca dele é devorado. No habitat natural podem atingir os 50cm de comprimento, portanto o aquário deve ser de pelo menos 300 litros. Na sua alimentação devem dar granulados próprios para ciclídeos (á venda no mercado). Especial cuidado na alimentação deste peixe, pois pode causar danos ás nossas mãos. 


Jack Dempsey ( Cichlasoma octofasciatum )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
              20 cm    7.0   10                24º C

O Jack Dempsey tal como a maioria dos ciclídeos é um peixe bastante agressivo, comendo todos os peixes mais pequenos. É um peixe muito bonito e resistentes a doenças e a variações de temperatura e pH, o que facilita muito sua criação por aquarista novos e sem experiência. Alimenta se de tudo desde flocos, granulados, comida liofilizada e congelada.


Acará Zebra ( Archocentrus nigrofasciatus )

Comprimento máximo    PH   GH             Temperatura
              15 cm    7.3   12                24º C

Peixe conhecido pela sua agressividade, muitos o chamam de serial-killer. São peixes que se adaptam muito bem ao aquário, e reproduzem se com muita facilidade. São muito territoriais e aconselha se a juntar a estes peixes, apenas ciclideos também agressivos. Alimentam se de flocos, granulados e comida liofilizada. 


Acará Boca-de-Fogo ( Thorichthys meeki ) Photo by Helen Burns.

Comprimento máximo    Água   PH             Temperatura
              12 cm     120L  7.0                25º C

O Acará boca-de-fogo é um magnífico peixe, possui uma coloração avermelhada da mandíbula e região ventral, que se acentua nos machos, na época da reprodução. O corpo é cinza azulado com manchas laterais pretas. É um peixe pacífico, quando é pequeno, mas tem tendência a ficar um pouco agressivo e territorialista, quando atinge o tamanho adulto. É bastante resistente e não exige cuidados de maior com a água. O macho tem as barbatanas ligeiramente pontiagudas em relação à fêmea e a sua reprodução em aquários é fácil.


Acará Azul (Aequidens pulcher )

Comprimento máximo    Água   PH             Temperatura
              20 cm     150L  7.0                24º C

O Acará azul é um belo peixe, apesar de ser um ciclídeo, esta á uma espécie calma e muito amistosa, tornando  se agressivos e territoriais só na altura da reprodução. No entanto não os deve misturar com peixes mais pequenos ( neons ). Os machos possuem as barbatanas anal e dorsal em forma de ponta enquanto que nas fêmeas estas barbatanas são arredondadas. Devem ser alimentados com flocos e granulados, além de suplementos ( artémias, tubifex ). A sua reprodução é relativamente fácil em aquários. Após cortejada a fêmea coloca os ovos, normalmente numa rocha, e cuidam e protegem o seu ninho de ovos, e os futuros filhotes por uns tempos.


Ciclídeo Midas (Amphilophus citrinellus )

Comprimento máximo    Água   PH             Temperatura
              20 cm     150L  7.2                25º C

É um dos peixes mais agressivos e territoriais de sempre, atacando qualquer peixe que veja á sua frente independente do tamanho. Aconselha se um aquário só para esta espécie. Alimenta se de flocos, granulados próprios para ciclídeos etc.